segunda-feira, 5 de novembro de 2012

O BEIJO TEU

Para ti em minha boca guardei meu doce beijo
Para ti, no dia em que te encontrasse
Ainda que o tempo dissipasse...
Toda esperança e até o carnal desejo.

Guardei esse beijo com cuidado
E desse beijo ninguém jamais provou
Cuidei para fosse somente teu, ou
Jamais nessa vida teria alguém beijado.

E hoje que te encontro sei que valeu
Tanta espera pela vida afora
Pois sempre haverá esse beijo para quem se adora
E guardastes um beijo também que era só meu.

Ana Roen