segunda-feira, 12 de setembro de 2011

RESCALDO

Há quem passe pela vida
Prisioneiro em seu próprio ser
Mas eu ando destemida
E fujo para viver.

Às vezes navego sem rumo
Às vezes encontro uma ilha
Às vezes desço e me assumo
Às vezes caminho por trilha.

Ora subo a montanha
Ora estou a descer
Ora a vida ganha
Ora estou a vencer.
 
Ana Roen

Nenhum comentário:

Postar um comentário