sábado, 2 de julho de 2011

TEUS OLHOS

Teus olhos mais parecem o Paraíso
Que em mim tudo acendem e tudo afloram
Teus olhos são tudo o que eu preciso
Pra secar os meus que ainda choram.

Teus olhos por aí embevecidos
A beber no mar de outras paisagens
Deixando os meus que esquecidos
Acompanham os teus da outra margem

De longe mesmo vão seguindo
Esses fachos a acender minha loucura
Teus olhos nunca sabem onde estão indo
Quem te segue sabe bem o que procura.

Procura decifrar e traduzir
O que guardas dentro aí desses dois lagos
Mas teus olhos vão só me seduzir
E fazer crescer as dúvidas que já trago!

Ana Roen

Nenhum comentário:

Postar um comentário